Como soltar o monstrinho de Halloween que há em ti!

Uuuuuuh!!!

Aproxima-se a festa do halloween, em que os mais pequenos podem viver em pleno aquela personagem maquiavélica que tão bem imitam nas brincadeiras dos assaltos aos castelos, das belas princesas desmaiadas ou dos destemidos príncipes enfeitiçados.

Podem, finalmente, e sem colocarem em causa a sua aura de meninos bem comportados, dar asas à imaginação e viver na pele papéis como o de feiticeiro, bruxa, vampiro ou fantasma.

Ainda que não seja uma tradição originária do nosso país, são cada vez mais os adeptos portugueses a celebrarem o dia com uma saída, um jantar, uma festa. Como pede a tradição, sempre fantasiados e a fazer travessuras, em casa ou na rua, a quem não lhes oferece um guloso doce.

As nossas pequenas crianças são quem mais se encanta com este mundo imaginário. Qualquer menino sonha colocar um cone na cabeça, uma vassoura numa mão e um globo de neve na outra. Qualquer menina deseja ser, ainda que apenas um dia no ano, uma monster high; podem maquilhar-se como sempre o fazem às escondidas das mães e desta vez não precisam de disfarçar os borrões que deixam por todo o rosto, e podem transformar em sapos todos os príncipes que não as tratam como merecem.

Assim, queridos pais, depois de terminarem as transformações nos monstrinhos, podem trazê-los a uma das nossas lojas Fotosport, para os fotografarmos num dos nossos cenários temáticos, para desta forma recordarem para sempre esses momentos “terroríficos”.

A Matilde no HalloweenDiabinho de Halloween Diabinho de Halloween

 

 

 

 

 

Estão na moda, por exemplo, os jantares temáticos, tão apropriados para um dia de outono, provavelmente cinzento e chuvoso, como a negra temática pede. Podia falar-vos de tantas outras matérias de Halloween, mas vou então focar-me nesta refeição gritante, de chorar e gritar, literalmente, por mais.

Podem começar por fazer, em conjunto com os vossos filhos, os convites para os amiguinhos da escola jantarem lá em casa. Devem personalizá-los com morcegos, esqueletos, caveiras, aranhas e toda uma panóplia de terror. Podem ilustrá-los juntos e colar uma foto dos filhos fantasiados, para mais tarde recordarem, por um lado, e para lembrarem aos convivas que há dress code nesse dia para o banquete dos pequenos feiticeiros.

Para a refeição, sugiro que elaborem mini pizzas ou sanduíches em forma de morcegos ou gatos pretos, um bolo com chapéu de bruxa, que usem legumes em tons de laranja e preto, os dominantes em qualquer festa de halloween. Que façam rostos assustadores com frutas diversas. E não podem faltar, claro, as maçãs caramelizadas. Coloquem no centro da mesa uma abóbora recortada com uma velinha dentro, bem protegida de mãos de bruxinhos delicados. Com algodão ou papel higiénico, podem sugerir teias de aranha por toda a sala e múmias fantasmagóricas como serviçais de mesa. E as famosas pinhatas com gomas horrorosas compõem o restante ambiente. Façam jogos, magias e outras diabruras apropriadas ao momento.

Bolo de Halloween Doces de Halloween

 

 

 

 

 

 

No final, recomendo vivamente que ofereçam sacos de rebuçados, preparados também em conjunto com os vossos filhos com antecedência, para ofereceram aos convidados. Podem seguir com uma foto de grupo impressa e colada na hora, para ninguém do grupo misterioso se esquecer da aventura. Recomendo vivamente estes sacos de rebuçados porque dizem que dá grande azar quebrar a tradição. E, neste caso, para que as travessuras dos seus filhos fiquem só mesmo pelo jantarinho em casa, responda à pergunta: “Doce ou Travessura?”, com sacos apetrechados: “Só por ser hoje, doces, claro!”

ahhh…. e não se esqueça faça muitas muitas fotos…..

Tenha estes momentos únicos sempre à mão, em fotos, telas, álbuns

Dirija-se a uma das nossas lojas com as suas fotografias, que nós vamos sugerir-lhe 1001 formas de decorar a sua casa de forma única e super original!

 

Bora lá…..

Bom Halloween….Uuuuuuh!!!

Disfarces de Halloween de Última Hora

Em Portugal não é uma tradição, mas se este ano vai aderir, temos sugestões de disfarces de Haloween de última hora para si! Nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Irlanda, adultos  e especialmente crianças reunem-se e organizam-se para um “trick or treat”. Normalmente nestes países os disfarces não são temáticos, o que o transforma numa espécie de Carnaval, mas em Portugal o dia 31 de Outubro é conhecido pelo Dia das Bruxas, pelo que nesta noite os disfarces terão de ser assustadores!

Disfarces assustadores para o halloween num doce ou partida tradicional

A tradição do “trick or treat”, ou em português “doce ou partida”, tem como finalidade conseguir a maior quantidade de doces possível pedindo de porta em porta a vizinhos. Sempre que alguém escolhe “treat”/ “partida”, ou quando não é dado um doce, as crianças preparam uma partida para esse morador. Se este ano vai abraçar este dia com unhas e dentes, se o lençol para fazer de fantasma não é suficiente, então temos disfarces fáceis de criar e que vai adorar!

Wednesday Addams

Quem não se lembra da Família Addams? Os desenhos animados e os filmes que preencheram tanto do nosso tempo em frente à televisão! A recriação da filha mais nova desta família, Wednesday Addams, é um dos disfarces de Halloween  de última hora mais inteligente de sempre!

A Sombra do Peter Pan

disfarces assustadores para o halloween, saiba o que vestir neste halloween

Se no Carnaval um dos disfarces preferidos é o Peter Pan, não há nada mais original do que no Halloween se mascarar da Sombra traquina deste pequeno herói! Se está sem ideias, quer uma mais original do que esta? É um dos melhores disfarces de Halloween de última hora!

Fantasma

sugestões para disfarces de halloween de última hora

Há mais formas de recriar fantasmas sem ser com o clássico lençol, basta ter peças de roupa branca à mão e o pó compacto e a sombra preta fazem 80% do disfarce de Halloween de última hora! Mãos à obra!

Maquilhagem

Se não estiver com muita paciência para criar um disfarce de última hora que exija procurar peças de roupa em baús, vestir e despir, fazer combinações, então o melhor é optar por uma combinação simples e uma maquilhagem assustadora! Pode ver alguns tutorias de maquilhagem para Halloween aqui ou um tutorial para uma maquilhagem menos brusca aqui.

Não se esqueça de fotografar os disfarces de última hora e as decorações mais assustadoras e originais que encontrar para poder reviver um Halloween mágico sempre que quiser! Imprima as suas imagens em telas temáticas ou então crie uma caneca para que seja Halloween todos os dias!

O importantes é que Recorde Bons Momentos! 🙂

 

 

Como Fotografar fantasmas!

Como Fotografar

Fantasmas!

 

imagem fantasmagórica

 

Um dos dias mais assustadores do ano está a chegar… O Halloween ou O dia das Bruxas. Reza a tradição que neste dia o sobrenatural caminha entre nós. Se não pretende aventurar-se por casas assombradas, aqui ficam algumas dicas para tirar umas fotografias assustadoras e deixar os seus amigos com os cabelos em pé!

Desde o seu aparecimento, a fotografia está intrinsecamente relacionada com o sobrenatural. Certos povos acreditavam que esta conseguia captar a alma do fotografado, ou até mesmo captar o que nós não conseguimos ver. Claro que nos nossos dias nós sabemos que isso é possível. A evolução da fotografia levou a que conseguíssemos captar desde microscópicas células até a distantes planetas e universos cuja nossa visão não alcança. Mas captar algo não material, como um fantasma? Bem, alguns acreditam que sim, ou pelo menos acham ter provas disso nalgumas das suas fotografias.

         Apesar de existirem fotografias inexplicáveis, cuja ciência não consegue encontrar explicação, muitas das supostas fotografias de espíritos devem-se a meros erros técnicos, desde sobreposição, sujidade na lente entre outros, até a capacidade do nosso cérebro reconhecer formas e dar-lhes significado. Neste artigo irei mostrar-lhe como essas fotografias podem ser explicadas e até reproduzidas.

 1º Baixa qualidade

    No caso dos fantasmas não queremos uma foto em HD, mas sim algo que remeta mais para o passado, em tons de preto e branco, com algum grão e grande contraste. Podemos claro fazer algo com boa qualidade mas em termos de “fingir um fantasma” será mais complicado. Poderá sim usar uma boa resolução para tirar fotos a sítios assustadores, como casas abandonadas ou florestas escuras.

2º Arrasto da imagem

    Uma maneira fácil é simplesmente abrir o obturador da câmara durante alguns segundos. Enquanto fotografamos por exemplo uma pessoa, esta mantém-se fixa enquanto outra passa rapidamente a seu lado. O resultado será de um “fantasma” a passar ao lado do modelo. Poderá fazer também sozinho, mexendo a cabeça ou, por exemplo, um braço, rapidamente mas mantendo partes do corpo quietas.

3º Sobreposição de imagens

Uma das técnicas mais simples e que facilmente confundia as pessoas no início do estudo da fotografia era a sobreposição acidental de fotografias. Por exemplo, tirávamos uma fotografia e, devido a uma falha técnica, a fotografia tirada de seguida era sobreposta na primeira, fazendo assim “fantasmas”. Acidentalmente ou de propósito, esta é uma das mais fáceis técnicas. Só precisas de pegar em duas fotos e sobrepor uma com um pouco de transparência sobre a outra. Aconselho a serem apenas partes pequenas, tipo uma pessoa, para que desta forma a sobreposição não seja notada a primeira vista.

sobre-exposição de imagem

4º Jogos de Luz

Outra técnica é usar uma longa exposição para criar formas de luz que atravessam lugares, como se fossem espíritos. Para saberem mais desta técnica, podem ler um artigo aqui no blog da Joana Rita Rodrigues, Escrever com Luz.

longa exposição

5º Usa a tua imaginação.

Uma coisa que não se pode esquecer é que as fotografias de fantasma são, primeiramente, formas que o nosso cérebro reconhece como uma coisa. Uma mancha que se assemelha a uma pessoa, uma luz que parece um braço, uma mancha num canto que se parece ligeiramente com um animal. O nosso cérebro é o mais poderoso criador de fantasmas e na hora de fazermos uma fotografia fantasmagórica temos que ter em conta o que as outras pessoas vão conseguir ver naquela imagem. Muitas vezes, o próprio poder da sugestão faz o truque. Uma maneira fácil de consegui é desenhar um simples círculo vermelho em volta de alguma coisa, isso irá remeter logo a que a pessoa tente encontrar um significado para aquele circulo vermelho e para o que está lá dentro.

6º Recorre ao digital

Se quiseres fazer algo mais elaborado, podes sempre recorrer a programas de edição digital e criar os teus próprios fantasmas aterradores!

Por fim, se nada disto te interessar, porque não pegares na tua câmara e ires à aventura nesta noite das bruxas? Pode ser que quando revelares as tuas fotografias, tenhas uma surpresa!

 

Bom Halloween!!

3 Truques para Fotografia de Família

Para conseguir uma fotografia de família ideal é necessário que alguns elementos estejam em conformidade! Por exemplo, a localização, as poses, e as roupas! Mas fotografar a família é um desafio que garantidamente tem resultados magníficos!

dicas para fotografia de família e fotografar em família

Localização

Para já, estamos em vantagem. É Outono e as cores estão a nosso favor. Ao escolher o local para a fotografia de família, a palete de cor quentes dará um ar muito mais feliz às imagens.
Dicas de fotografia em família ou fotografias de família

Poses 

Existem formas simples e originais de tornar as fotografias interessantes com poses quando estamos à procura da fotografia de família perfeita. Desde silhuetas em contraluz com as mãos dadas, até fotos com a família abraçada, todas as ideias desde que mostrem a ternura e os laços que unem a família são eficazes.

Guarda Roupa

Escolher o que vestir para a fotografia de família também pode ser um desafio, e quantos mais pior! Selecionar cores que fiquem bem em toda a gente e resulte com todos os membros da família para fotografar requer algum cuidado e tempo!

A prioridade é estar confortável e tentar manter a harmonia entre as cores que são usadas por todos! Se o tom escolhido é o amarelo é preciso ter atenção a que nenhum membro da família vista azul!Em caso de dúvida, optem por calças de ganga e uma parte de cima branca! Os acessórios e calçados outonais (como gorros, cachecóis e botas) são a melhor opção e devem ser utilizados em tons fortes!

Depois de ler estes truques para a fotografia de família, pode começar a organizar um fim de semana de sessões fotográficas e aproveitar o melhor que o Outono tem para lhe oferecer com a sua família! Preencha a sua casa com telas desses bons momentos ou então torne as sessões fotográficas uma tradição de família e registe-as em books fotográficos todos os Outonos!

dicas e truques para fotografar em família

Aproveite as estações do ano com a sua família e recorde bons momentos! 🙂

Dicas para Fotografar Castelos

No dia 7 de Outubro comemorou-se o Dia Nacional dos Castelos. Mas não são só as princesas que lhes atribuem importância, também lhes pode dar atenção se gosta de fotografar castelos!

dicas para fotografar castelos

Conhece os Castelos mais bonitos do mundo? Pelo menos aqueles que nós achamos os castelos mais bonitos para fotografar! Em França, o Castelo do Monte Saint-Michel (1);  na Alemanha, o Castelo Neuschwanstein (2); em Gales, o Castelo Conwy (3); O castelo de Praga na República Checa (4); em Inglaterra, o Castelo de Bodiam (5); o Castelo de Miranda na Bélgica (6); e o Alcazar of Segovia em Espanha (7).

Mas se está a passear e se cruza com um momumento destes, seja o Castelo de Guimarães ou o Palácio da Pena em Sintra, há alguma forma específica de fotografar estes pedaços de história?

Fique com…

4 dicas preciosas para Fotografar Castelos!

1) Mostre os arredores

Se não se focar única e exclusivamente no edifício e conseguir captar a área envolvente, verá que consegue mostrar o conteúdo do Castelo de forma mais fácil na fotografia. A grandiosidade das obras muitas vezes estende-se, veja o caso do Palácio de Versailhes, grande parte da obra está nos seus jardins!

2) Procure detalhes

Principalmente a nível da decoração e da ornamentação, os castelos oferecem pequenos (ou enormes) detalhes que são belíssimos para fotografar! Contrastes e texturas também não devem ser menosprezados!

3) Capture a atmosfera

À semelhança do que fez no ponto 1), procure capturar o drama que envolve o castelo. Isso faz com que a narrativa na fotografia seja original. Normalmente o nascer ou o por do sol são as horas ideais para fotografar castelos precisamente por mostrarem a atmosfera natural!

4) Use simetria

Se tiver um bocadinho de atenção e na composição da sua fotografia utilizar a simetria, verá que o castelo que fotografar terá muito mais poder e importância do que se a sua fotografia for tirada “ao calhas” sem nenhuma atenção às linhas e cores!

 

O que acha de as fotografias mais bonitas irem parar às suas paredes? Fica a sugestão! O que queremos é que acima de tudo registe e recorde os seus bons momentos! 🙂



dicas de photographymad.com